pt

Os Guna

As comunidades indígenas mais notórias do Panamá são os membros da tribo Guna. Cerca de 62.000 pessoas vivem ao longo da costa oriental do Caribe, e em 49 das 400 ilhas pertencentes ao arquipélago Guna Yala (também conhecidas como as Ilhas San Blas), que pertencem à comunidade Guna. Historiadores dizem que o povo Guna pode ter migrado após o século XVI para San Blas, onde o oceano se tornou uma grande parte de seu sustento. De fato, graças à sua localização costeira, Guna Yala é uma das maiores plantações de coco do mundo. 

Sendo um grupo orgulhosamente independente, o povo Guna mantém um status semiautônomo no Panamá e há décadas recebe turistas. Além disso, os Guna têm uma longa história de mercantilismo e comércio internacional, com uma economia baseada na pesca, agricultura e confecção de roupas. Na verdade, o sucesso econômico e o autodeterminismo são um valor fortemente mantido entre os Guna, e uma das razões pelas quais eles conseguiram operar de forma independente por tanto tempo. 

Talvez o aspecto mais conhecido da cultura Guna seja a ""mola"", um tecido de pano de confecção complexa que adorna a parte frontal e traseira dos vestidos tradicionais usados pelas mulheres do grupo. Os desenhos coloridos nas molas normalmente retratam animais sagrados ou uma história de origem cosmogênica, com base em seu sistema de crenças de três princípios que explica Deus, a Natureza e o Cosmos. Para o povo Guna, os seres humanos e a natureza fazem parte da mesma entidade e, portanto, as regras da natureza se aplicam igualmente à vida humana do nascimento à morte. As molas são obras de arte deslumbrantes reverenciadas em todo o mundo e podem ser compradas nas aldeias Guna ou em mercados locais. 

Uma visita às comunidades Guna implica em uma viagem às perfeitas ilhas San Blas. Uma estadia em Guna Yala, ou San Blas, como também é conhecida, não serão como férias em uma ilha comercial. Em vez disso, você pode esperar dormir em cabanas de palha sem água aquecida ou alugar uma barraca, uma rede ou espaço em um veleiro. Lá, você poderá aprender sobre a cultura Guna e experimentar alguns de seus distintos pratos à base de frutos do mar, que normalmente consistem em uma sopa de peixe e banana-da-terra chamada Tule Masi, ou luciano-do-golfo (pescado no mesmo dia) e arroz com sabor de coco.

Como chegar

Os visitantes podem chegar às Ilhas San Blas a partir da Cidade do Panamá fazendo uma viagem de 3 horas em um veículo 4x4 e, em seguida, um curto trajeto de barco até a ilha de sua escolha.

lugares para visitar

Panamá

A província do Panamá está situada a leste do famoso Canal do Panamá e...

Riviera Pacifica

Se você estiver em busca de férias na praia ao estilo resort, com praias de areia...

Bocas del Toro

Representante da vibrante cultura caribenha do Panamá, a província de Bocas Del Toro...

Chiriquí

Chiriquí sempre foi um destino turístico para viajantes internacionais e panamenhos...

Coclé

Graças à sua proximidade com a Cidade do Panamá, paisagens diversas e...

Colón

A província de Colón é uma pequena província caribenha no Panamá,...

Los Santos

Graças a um clima predominantemente tropical e a uma localização no "arco...

Herrera

Herrera, a menor das províncias do Panamá, é carinhosamente conhecida como...

Veraguas

Nesta província, você pode ter tudo. Veraguas é a única província...